#LIXO: MUNICÍPIOS TEM ATÉ AGOSTO PARA DEFINIR DESTINO ADEQUADO PARA O LIXO

O programa jornalístico SP TV está promovendo a campanha "São Paulo mais limpa" que estréia na próxima segunda feira (16/04) com reportagens especiais, diárias sobre o lixo. A capital paulista produz por dia 13 mil toneladas de resíduos e recicla somente 1,5% de todo este montante.
Dentre as ações deste projeto está "o mapa do lixo em São Paulo" onde o telespectador poderá participar enviando fotos de flagrantes realizados.
assista o video: http://globotv.globo.com/rede-globo/sptv-1a-edicao/t/quadros/v/novo-projeto-vai-mostrar-o-problema-do-lixo-em-sao-paulo/1891962/
No facebook, o movimento monicipalista também está promovendo campanha semelhante, faça a sua parte e envie suas fotos, do lugar que você estiver, da cidade onde morar, participe deste debate:
http://www.facebook.com/groups/lixonasruasdobrasil/

 

 

 

Mais de 40% do lixo coletado não tem destinação adequada, mostra relatório

Os estados e os municípios brasileiros têm até agosto de 2012 para entregar ao Ministério do Meio Ambiente um plano que dê destino correto ao lixo sólido. O objetivo dessa exigência é acabar com os lixões no nosso país. Nessa semana, o Jornal Nacional teve acesso com exclusividade a um estudo que mostra como o lixo é descartado atualmente no Brasil.

Economia crescendo, brasileiro comprando mais e produzindo mais lixo: esse ciclo levou à geração de quase 62 milhões de toneladas de lixo em 2011, 1,8% a mais do que em 2010.

Em média, cada brasileiro produziu um quilo e 223 gramas de lixo por dia em 2011. De todo o lixo produzido, 10% não foram coletados; 6,4 milhões de toneladas.

As informações foram levantadas com os municípios pela Associação Brasileira de Empresas de Limpeza Pública e Resíduos Especiais (Abrelpe).

O relatório mostra que quase 42% do lixo coletado não tem destinação adequada. Praticamente o mesmo percentual de 2010. Esse lixo vai parar em lixões ou aterros controlados.

“Não tem praticamente nenhuma diferença do lixão. Lixão é a pior forma de destinação, em que o lixo é abandonado sobre um terreno sem nenhum cuidado. O aterro controlado tem algum cuidado só para dar uma disfarçada”, diz Carlos Silva Filho, diretor executivo da Abrelpe.

As regiões Sudeste e Nordeste são as que mais produzem lixo no Brasil. O Sudeste é o que dá melhor destinação aos resíduos. O Centro-Oeste, a pior destinação.

“Se compararmos os dados hoje disponibilizados no Brasil com a realidade de outros países, de outras cidades, mesmo que do mesmo porte, percebemos que o Brasil está bem distante de investir os volumes de recursos adequados ou necessários para avançar nessa questão”, avalia Carlos Silva Filho.

fonte: http://www.jornalfloripa.com.br/brasil/index1.php?pg=verjornalfloripa&id=18132

Anúncios

2 Respostas para “#LIXO: MUNICÍPIOS TEM ATÉ AGOSTO PARA DEFINIR DESTINO ADEQUADO PARA O LIXO

  1. É preciso aumentar a reciclagem do lixo. Basta vontade governamental. Infelizmente o Estado é igual elefante: anda devagar! Precisa levar um susto para correr.

    • Também concordo que a iniciativa governamental deveria ser mais bem estruturada. População, catadores, empresas e as prefeituras devem trabalhar mais coordenadamente e seguir programas educacionais e modelos de gestão do lixo que dão certo, existe inclusive literatura científica sobre o assunto.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s